Regresso ao Passado – II

Segunda edição da série Regresso ao Passado! Os artigos escolhidos para recordar são:

Agora não há volta a dar…

Sair da zona de conforto dá nisto, tomar decisões sem pensar bem nelas mas com aquela esperança de que tudo vai correr bem. Grandes aventuras não acontecem a quem está sentado no sofá, mas sim àqueles que arriscam alguma coisa. Foi a minha primeira viagem “longa” completamente sozinho, de Dresden a Lisboa. Este foi o dia em que comprei o bilhete, com pouco dinheiro na altura não me podia dar ao luxo de simplesmente desistir.

Alemanha
Alemanha

Viagem a Byzantium

Quando me mudei para Atenas decidi que iria explorar ao máximo aquele país, e que não iria cometer o erro de viajar imenso para fora sem visitar minimamente a Grécia. A excepção sempre foi Istambul, um sonho que demorou a acontecer mas que valeu cada stress que tive. Uma cidade que adorei, e uma experiência de couchsurfing que jamais irei esquecer!

Turquia
Turquia

Uma entrada.

6 horas de viagem para visitar um ilhéu com uma aldeia minúscula. Se valeu a pena? Sem a menor dúvida! Uma experiência a solo, quase como um retiro, e numa aldeia turística mas ainda algo calma, só me arrependo de não ter ido de carro, mas voltaria a este sitio outra vez 🙂

Gil Sousa

Português emigrado em Cork, viajante e apreciador de boa comida.

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: